A gentil mulher que não hesitou em parar seu carro na estrada para resgatar o pobre cachorro caído no caminho, com um olhar desesperado, comoveu os espectadores.

A gentil mulher que não hesitou em parar seu carro na estrada para resgatar o pobre cachorro caído no caminho, com um olhar desesperado, comoveu os espectadores.

""

Era um dia normal para a mulher americana Debbie Allen, que viajava em seu carro por uma movimentada rodovia interestadual, quando de repente percebeu que vários motoristas começaram a reduzir a velocidade sem motivo aparente.

No entanto, alguns segundos depois, ela entendeu o que estava acontecendo: um pastor alemão havia escapado de sua casa e, um tanto desorientado, acabou no meio da estrada. Infelizmente, alguém não o viu e o atropelou, após o que simplesmente fugiu.

""

Estava claro que Debbie não ia deixar o pobre cachorro em tal perigo, então ela não hesitou nem por um segundo em parar seu veículo para ir em seu auxílio. “Eu vi um cachorro no meio da estrada e ele estava mancando visivelmente, então eu soube que ele havia sido atropelado”, disse a WXYZ.

""

Mais tarde, a mulher explicou que naquele dia estava indo encontrar um cliente no trabalho, mas que “Deus tinha outros planos para ela”. Quando ela saiu e tentou se aproximar do cachorro, todos os veículos pararam, mas o animal assustado conseguiu fugir.

""

Mesmo assim, ela não desistiu e o perseguiu até conseguir pegá-lo e deixá-lo protegido à beira da pista. Felizmente, a Polícia Estadual de Michigan chegou logo em seguida para ajudar no caso. “Sentei-me com o cachorro, disse a ele que estava seguro e pedi que olhasse para mim porque estava procurando uma rota de fuga e disse ‘não, olhe para mim, você está seguro'”, disse.

""

Pelo que Allen viu, o pastor alemão estava bem alimentado, limpo e se comportava de maneira muito educada, apesar de sua ansiedade naquele momento, então era evidente que ele havia sido deixado por seus donos recentemente.

A Sociedade Protetora dos Animais também compareceu ao local, conseguindo levar o cachorro em segurança e tratar de seus ferimentos. Infelizmente, ele não tinha microchip, o que torna a busca por sua família um pouco mais complicada, mas eles não vão desistir. Eles têm que reunir os dois.

“Eu não sou uma heroína, apenas um ser humano”, concluiu Debbie.

Comments

No comments yet. Why don’t you start the discussion?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *